Domingo, Agosto 14, 2022
No menu items!
- Anúncio - spot_img
spot_img
InicioDesportoEmoções do Rali de Portugal regressam este domingo à 'catedral' (C/HORÁRIO E...

Emoções do Rali de Portugal regressam este domingo à ‘catedral’ (C/HORÁRIO E MAPAS)

A emoção e o espetáculo do automobilismo regressam este domingo às serras de Fafe, que voltam a ser palco do Rali de Portugal, no último dia da prova da quarta ronda do Campeonato do Mundo de Ralis.

Para este dia decisivo estão reservadas cinco especiais de classificação, pelos troços de Felgueiras, Montim e Fafe, num total de 48,87 quilómetros.

O dia arranca em Felgueiras, com o troço de Santa Quitéria (8,91 km), pelas 7h08. Os pilotos partem então para a classificativa de Montim (8,69 km), a partir das 7h57, e de Fafe (11,18 km), pelas 8h38, seguindo depois a segunda passagem pelo concelho vizinho, às 10h08.

Após um reagrupamento, os pilotos fazem a derradeira passagem, a partir das 12h18, pelo troço de Fafe, em regime de “power stage”, premiando os cinco pilotos mais rápidos com pontos adicionais para o campeonato.

As duas passagens pelo troço de Fafe vão ter transmissão televisiva na RTP1 e na SPORT TV4, a partir das 8h35 e das 12h10, respetivamente.

SS18 – Montim

Horário — 1ª passagem às 7:57

Apesar de conservar poucas zonas comuns à versão original criada em 1986, este troço concentra no seu piso rápido toda a intensidade do último dia de prova. Sendo um troço bastante curto, é suficientemente intenso para ditar abandonos inesperados: vale a pena lembrar o dia em que o piloto espanhol Carlos Sainz, em 1993, viu o seu Lancia capotar, obrigando-o à desistência. Montim reforça assim a sua importância, caso a decisão do vencedor seja decidida nos últimos quilómetros do rali.

SS19/21 – Fafe

Horário — 1ª passagem às 8:38 I 2ª passagem às 12:18

Considerado como “A Catedral dos Ralis em Portugal”, num perfeito paralelismo com a devoção e romaria que ali ocorre na passagem dos concorrentes. Os seus 11,18 km albergam os dois maiores cartões de visita da prova: o Confurco e a passagem no asfalto — sem esquecer o Salto da Pedra Sentada, que encerra o troço com chancela de ouro. A ambos os locais acorrem muitos milhares de pessoas, “em peregrinação”, para assistir à passagem da caravana do WRC. A festa começa na tarde anterior, quando se começam a juntar espectadores que guardam o melhor lugar para assistir à passagem dos carros, e dura até ao último concorrente passar pelo troço que será também palco da Power Stage.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Jornal em PDF

Redes Sociais

10,000FansCurti
0SeguidoresSeguir
53SeguidoresSeguir
0InscritosSe inscrever
- Anúncio - spot_img

Artigos Recentes