Sexta-feira, Abril 12, 2024
No menu items!
- Anúncio - spot_imgspot_img
spot_img
InícioDesportoDupla passagem por Luílhas, Seixoso, Santa Quitéria e Lameirinha em último dia...

Dupla passagem por Luílhas, Seixoso, Santa Quitéria e Lameirinha em último dia de rali (C/HORÁRIO)

8 classificativas e um total de 84,28 km ao cronómetro.

Depois de um dia disputado por Boticas, Cabeceiras de Basto e Vieira do Minho, a competição do Europeu e Nacional de ralis regressa este domingo ao concelho de Fafe. 

Este último dia vai levar as equipas a cumprir dupla passagem por Luílhas, Seixoso, Santa Quitéria e Lameirinha.

A dupla Miguel Correia/Jorge Carvalho (Skoda Fabia) terminou, este sábado, no comando da prova nacional depois de uma tarde marcada por diversas incidências, a principal o abandono de Armindo Araújo (Skoda Fabia), na sequência de um aparatoso despiste, sem consequências graves para piloto e navegador (Luís Ramalho).

Recorde-se que o acidente do campeão nacional em título ocorreu na segunda passagem por Boticas/Senhor do Monte, precisamente a classificativa onde Craig Breen (Hyundai i20 N Rally2) perderia, momentos antes, o primeiro lugar que ocupava desde a segunda “especial” do dia, devido a um furo, cedendo de uma assentada mais de 2 minutos, já que teve de parar para mudar a roda. Pouco depois, Araújo, que tinha acabado de herdar a primeira posição face ao sucedido ao irlandês da Hyundai, ficava pelo caminho.

Foto: Rally Serras de Fafe.

O finlandês Mikko Heikkila (Skoda Fabia Evo) terminou assim o dia de sábado no comando da prova para o Europeu, com 4.2 segundos para o norueguês Mads Ostberg (Citroen C3).

Nas contas para o nacional, Miguel Correia desde o início do rali o mais direto opositor de Breen e de Armindo, mesmo queixando-se de ter feito um “pião” de ter problemas ao nível dos travões ou do diferencial traseiro, conseguiu distanciar-se de Bernardo Sousa (Citroen C3). Este, por seu turno, perdera a confiança na sequência de uma ligeira saída. Pior, contudo, estava Ricardo Teodósio (Hyundai i20 N Rally2), primeiro líder do rali, nada satisfeito com a afinação do carro, do mesmo se queixando José Pedro Fontes (Citroen C3), que tinha dificuldades em explicar qual era o problema.

Pedro Almeida (Skoda Fabia) conseguiu subir ao “top 5”, apostado numa trajetória de evolução, enquanto Lucas Simões (Ford Fiesta R5), a disputar o seu quinto rali de terra, procurava melhorar o desempenho em cada classificativa. Paulo Neto (Skoda) não evitou bater no Peugeot 208 do alemão Norman Kreuter que lhe surgiu atravessado em Cabeceiras 1, enquanto Ricardo Filipe (Ford Fiesta R5) lamentava encontrar já os pisos degradados para poder imprimir o melhor ritmo possível.
Nas duas rodas motrizes (2RM), o campeão em título Ernesto Cunha (Peugeot 208 Rallye 4), desta vez acompanhado por Carlos Magalhães, dominou de fio a pavio, terminando a prova – para o Campeonato contava apenas esta primeira etapa – com uma vantagem de 1m53.3s em relação a Hugo Lopes (Renault Clio Rally4), e Gonçalo Henriques (Renault Clio Rally5) terminou no último lugar do pódio.


DOMINGO (12 março)
Partida (Parque Fechado, na Feira Velha) 06:45
PEC 10 – Luílhas 1 (8,09 Km) 07:32
PEC 11 – Seixoso 1 (9,97 km) 08:24
PEC 12 – Santa Quitéria 1 (9,18 km) 09:14
PEC 13 – Lameirinha 1 (14, 9 km) 10:05
Reagrupamento (Feira Velha, Fafe) 10:39/11:29
Assistência (Parque Estacionamento, Fafe) 11:34/12:04
PEC 14 – Luílhas 2 12:31
PEC 15 – Seixoso 2 13:23
PEC 16 – Santa Quitéria 2 14:13
Reagrupamento (Feira Velha, Fafe) 14:53/15:37
PEC 17 – Lameirinha 2 (Power Stage) 16:05
Parque Fechado (Feira Velha) 16:44

- Anúncio -spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Jornal em PDF

Redes Sociais

10,000FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
55SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Artigos Recentes