Sexta-feira, Maio 24, 2024
No menu items!
- Anúncio - spot_imgspot_img
spot_img
InícioDestaquesPCP questiona Câmara de Fafe sobre Mamoas do Monte de S. Jorge

PCP questiona Câmara de Fafe sobre Mamoas do Monte de S. Jorge

Maria do Carmo Cunha, eleita do PCP na Assembleia Municipal de Fafe, solicitou à Câmara de Fafe informações sobre as mamoas do Monte de S. Jorge, um património arqueológico descoberto em 2014 no lugar da Regedoura.

Em comunicado, o PCP recorda que, em 2014, aquando da construção da sub-estação da REN, nos limites administrativos das freguesias de Armil e Cepães e Fareja, foram encontrados vestígios arqueológicos que levaram à realização de trabalhos arqueológicos sobre um monumento funerário com mais de 4 mil anos.

“Esta mamoa insere-se numa importante necrópole megalítica com mais de uma dezena de monumentos semelhantes na mesma zona”, anotam os comunistas, em comunicado.

Recordando que, em fevereiro de 2015, em declarações à imprensa, “o então vereador Pompeu Martins declarou que a Câmara gostaria de criar no local um parque arqueológico visitável“, o PCP questiona se a autarquia mantém essa intenção de criar um parque arqueológico no Monte de S. Jorge, na Regedoura.

Maria do Carmo Cunha questiona ainda “que medidas tem tomado a Câmara Municipal para preservar e valorizar o importante património arqueológico que ali se encontra” e “que outras medidas pretende a Câmara Municipal tomar futuramente para que esta importante necrópole milenar possa ser estudada, preservada, visitada e valorizada”.

Segundo o PCP, as questões foram enviadas no início do outubro, não tendo sido até agora obtida resposta.

- Anúncio -spot_img
ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Jornal em PDF

Redes Sociais

10,000FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
55SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Artigos Recentes