Terça-feira, Janeiro 31, 2023
No menu items!
- Anúncio - spot_img
spot_img
InícioDestaquesÁguas do Norte vai iniciar reabilitação da Barragem da Queimadela

Águas do Norte vai iniciar reabilitação da Barragem da Queimadela

Intervenções visam a "melhoria de segurança hidráulica e correção de patologias estruturais".

A Águas do Norte anunciou que vai dar início à empreitada de reabilitação da barragem da Queimadela, que será “alvo de diversas intervenções de melhoria de segurança hidráulica e de correção de patologias estruturais”.

Segundo a empresa, a obra agora a iniciar está orçamentada em cerca de 900 mil euros, com um prazo de execução de 270 dias, tendo sido adjudicada ao Consórcio João Tomé Saraiva Sociedade de Construções, Lda./Ascendetalento Unipessoal, Lda.

“A intervenção a realizar inclui a reabilitação e eletrificação dos órgãos hidráulicos, alimentação elétrica, iluminação das galerias, bem como a eliminação de patologias e a reabilitação do sistema de drenagem das galerias, com a instalação dos equipamentos de observação, segurança e monitorização, intervenções no descarregado lateral, por forma a garantir a conformidade da barragem com as disposições do Regulamento de Segurança de Barragens”, explicam, em comunicado.

A barragem da Queimadela, construída em 1999, integra o subsistema de abastecimento de água da Queimadela, o qual abrange todo o Município de Fafe, servindo uma população residente de cerca de 60 mil habitantes.

A captação de água é feita na barragem, sendo a capacidade de tratamento de água da ETA da Queimadela igual a cerca de 13.500m3 de água por dia, sendo a mesma posteriormente distribuída por cerca de 150km de condutas adutoras em “alta”, servindo 24 reservatórios, com um armazenamento total de água para consumo de cerca de 14.360m3, para posterior distribuição à população.

Com a conclusão destas obras, a Águas do Norte diz pretender “dotar as infraestruturas de abastecimento de água integradas no sistema multimunicipal de abastecimento de água e de saneamento do Norte de Portugal de melhores condições de funcionamento, possibilitando que as populações residentes usufruam de um melhor serviço público de abastecimento de água o que permitirá uma melhoria significativa da sua qualidade de vida”.

Em reunião do executivo municipal, o presidente da câmara saudou a consignação das obras de conservação da barragem, lembrando que há muito eram defendidas como necessárias, e que implicarão o esvaziamento da estrutura.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Jornal em PDF

Redes Sociais

10,000FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
53SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever
- Anúncio - spot_img

Artigos Recentes