Quinta-feira, Setembro 28, 2023
No menu items!
- Anúncio - spot_imgspot_img
spot_img
InícioDestaquesGrupo de empresários BNI Lusitano celebra 10º aniversário e destaca-se com melhor...

Grupo de empresários BNI Lusitano celebra 10º aniversário e destaca-se com melhor performance nacional

O grupo BNI Lusitano, composto atualmente por 43 empresários da região, celebrou o 10º aniversário, que foi assinalado no sábado com um convívio que juntou cerca de cem convidados.

O momento foi de dupla celebração já que, em junho, mês de aniversário, o BNI Lusitano destacou-se como o grupo com a melhor performance nacional, entre mais de cem grupos do país. No último ano, o grupo ultrapassou os 4 milhões de euros de faturação.

As comemorações começaram com visitas guiadas à Casa do Tempo e ao Mosteiro Beneditino de São Miguel de Refojos, em Cabeceiras de Basto, a que se seguiram momentos de networking e partilha, já na quinta Encosta do Sessego.

O jantar ficou marcado por música ao vivo, animação de atores, discursos de entidades convidadas e a habitual entrega de prémios aos membros que mais se destacaram no último ano, pelo diretor do grupo, José Augusto Teixeira.

Entre os convidados marcaram presença o presidente da Câmara de Mondim de Basto, Bruno Ferreira; o vice-presidente de Cabeceiras de Basto, Fernando Basto; e o assessor Filipe Teixeira, em representação da Câmara de Fafe; que elogiaram o dinamismo do grupo.

10 anos é um marco muito importante para a história do BNI Lusitano, que é mais que negócio, é amor ao grupo e às nossas empresas. Juntos somos mais fortes”, frisou a presidente, Andreia Alves.

A união, o espírito de grupo e a entreajuda são para a presidente do grupo o “segredo” para o sucesso: “Damos a mão uns aos outros, ficamos felizes com os ganhos do outro, torcemos para que todos alcancem os seus objetivos, individuais e coletivos”.

Recorde-se que o grupo BNI Lusitano reúne-se todas as quinta-feiras em Fafe, pelas 7h00, com o intuito de potenciar os negócios entre si. O grupo apenas permite um elemento de cada ramo de atividade, numa lógica de complementaridade e entreajuda entre todos.

ARTIGOS RELACIONADOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Jornal em PDF

Redes Sociais

10,000FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
55SeguidoresSeguir
0InscritosInscrever

Artigos Recentes